Famílias Sertanejenses, orientações sobre o jogo BALEIA AZUL

A secretária de Segurança do Paraná, fez um apelo para que os jovens “não cedam a ameaças” do jogo Baleia Azul e anunciou a criação de uma força-tarefa para identificar os responsáveis pelos desafios, ontem quarta-feira dia 19. O jogo propõe 50 desafios a adolescentes e sugere o suicídio como última etapa. Quem está por trás disso são jovens e adolescentes, por meio da internet. Em Curitiba foi registrado 5 tentativas de suicídio na madrugada da última terça feira dia 18, de acordo com a prefeitura local. Também foram registrados três casos de ferimentos, conforme a Secretaria de Saúde do município registrou. A secretaria confirmou que, em dois dos casos, foi comprovada a relação com o jogo. Em outros quatro existem fortes suspeitas de ligação com o Baleia Azul. Ainda segundo a secretaria de Segurança, outros três casos estão em investigação. Uma das ocorrências foi registrada na cidade de Pato Branco/PR, e as outras em Curitiba. Agora o objetivo da SESP/PR é identificar as pessoas que estão recrutando os jovens para o jogo e responsabilizá-las criminalmente. Maiores de idade envolvidos com o jogo podem responder por incitação ao suicídio e menores terão a punição definida pelo judiciário.

Deste modo o Sertanejanews aproveita para alertar todos os munícipes quanto aos perigos que o jogo de origem Russa oferece.

Professores Paranaenses estão sendo orientados de como lidar com o assunto em salas de aula, policiais também podem auxiliar as famílias a detectarem qualquer atitude suspeita, os jovens são os alvos principais, por isso siga estas recomendações básicas:

1 – Mantenha o diálogo com seus filhos

2 – Monitore o acesso deles a INTERNET

3 – Constatado indícios que seu filho (a) ou familiares estão envolvidos com o jogo, procure ajuda imediatamente, podendo ser nas UNIDADES POLICIAIS e UNIDADES DE SAÚDE.

Induzimento, instigação ou auxílio a suicídio é crime previsto no CPB
Art. 122  – Induzir ou instigar alguém a suicidar-se ou prestar-lhe auxílio para que o faça:
Pena – reclusão, de dois a seis anos, se o suicídio se consuma; ou reclusão, de um a três anos, se da tentativa de suicídio resulta lesão corporal de natureza grave.
Aumento de pena
I – se o crime é praticado por motivo egoístico;
II – se a vítima é menor ou tem diminuída, por qualquer causa, a capacidade de resistência.

 

Sertanejanews.com

Matérias Relacionadas

No Comments

Leave a Comment